Sinduscon recepciona comitiva de empresários do País Basco

Representantes da Garapen, que gerencia o funcionamento de 33 agências de desenvolvimento do País Basco, região autônoma ligada à Espanha que fica no norte do país ibérico, fronteira com a França, estiveram nesta segunda-feira (29) em visita ao Sinduscon/Paraná-Oeste (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Oeste do Paraná). O grupo foi recebido pelo engenheiro civil João Luiz Broch, presidente do sindicato.
O País Basco possui uma forma todo especial de se desenvolver. Sua população busca inovar dentro e fora de seu território, valorizando suas singularidades. Os bascos buscam outras nações e povos que possuam identidade semelhante, ou seja, que espelhem o espírito empreendedor daquela gente.
E Cascavel impressionou a Garapen. Com pouco mais de 65 anos, a cidade é referência e se comporta de forma avessa à crise. E o País Basco, com cerca de dois milhões de habitantes e renda per capita de 22,5 mil euros por ano, quer intercâmbio com povos empreendedores, como o cascavelense, e enxerga a construção civil como um canal de inúmeras possibilidades de parcerias.

Deixe uma resposta