Sesp reafirma que Dique Denúncia 181 ficará em Curitiba

Diferentemente do anunciado pelo vereador Roberto Parra, em entrevista a um portal de Cascavel, a assessoria de imprensa da Sesp (Secretaria Estadual de Segurança Pública e Administração Penitenciária) reafirmou ontem, à reportagem do Hoje, que o sistema Disque Denúncia 181 continuará centralizado somente em Curitiba.

Conforme a assessoria, por conta de uma determinação do STF (Supremo Tribunal Federal) e recomendação do Ministério Público do Paraná, 150 cargos comissionados que integravam diversas unidades vinculadas a Secretaria foram extintos. A decisão do STF declarou nula a lei, de 2009, que criava os cargos com simbologia 9C. Por conta disso, de acordo com a assessoria, houve a exoneração dos servidores e, por conta disso, o serviço precisou ser readequado.

A readequação, segundo a nota, prevê a unificação de todos os atendimentos do 181 (denúncias recebidas pelo telefone e pela internet) em uma central única, e não mais regionalizada, contando com o apoio de policiais civis e militares, sem comprometer a excelência do serviço prestado, desenvolvido ao longo de 14 anos de existência.

Na entrevista, Parra disse que, em reunião com o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni, ele disse que o comando da Polícia Militar em Cascavel assumiria e atenderia as ligações do 181, até que a situação de PSS (Processo Seletivo Simplificado) e contratação de novos servidores, seja resolvida. O vereador cita inclusive que ainda nessa semana o sistema Disque Denúncia voltaria a ser atendido em Cascavel, fato até então negado pela SESP.

A Secretaria informou ainda que a readequação do Disque Denúncia 181 não acarretará prejuízo para o atendimento à população, nem para a coleta de dados e posterior repasse das informações para basear ações e operações policiais em todo o Estado, com a manutenção da garantia total do anonimato do cidadão que colabora com os trabalhos das forças de segurança pública.

O cidadão continuará contando com o atendimento em tempo integral das chamadas do telefone 181, em qualquer localidade do Paraná, de forma gratuita.

Tissiane Merlak

Deixe uma resposta