Segundo dia: Meneghel fala sobre crime de 2012

 

Está sendo ouvido neste momento, no Tribunal do Júri em Curitiba, o ruralista Alessandro Meneghel. Ele é réu confesso do assassinato do policial federal Alexandre Drummond Barbosa, em abril de 2012.

A oitiva de Meneghel já dura mais de três horas e, ao longo deste período, ele contou sobre o dia do crime, respondeu os questionamentos do juiz Thiago Campos Flores, e em alguns momentos chegou a chorar.

Agora o julgamento terá uma pausa de cerca de uma hora para o almoço e, na sequência, o réu responderá aos questionamentos de seu advogado, Claudio Dalledone, e dos membros do Ministério Público, Lucas Cavini e Ticiane Pinheiro.

A previsão é de que o resultado do julgamento seja proferido na noite desta quarta-feira. Se condenado, Meneghel terá uma pena que oscilará entre 12 e 30 anos.

Deixe uma resposta