Quase tudo pronto para evento que espera até 25 mil pessoas

O jantar que será servido na noite deste domingo no Seminário São José começou a ser preparado ontem ainda. Ele antecede a tradicional Festa do Trabalhador que nesta ano está em sua 51ª edição e 22ª do Costelão. “Neste domingo a equipe segue com os trabalhos para finalizar os dois mil quilos de buchada para o jantar”, comenta o colaborador da festa há 25 anos, Sérgio Grapégia. Uma equipe de 100 pessoas está envolvida nessa ação.

A buchada e acompanhamentos custam R$ 30 por pessoa. Quem preferir levar para casa, poderá retirar a partir das 14h. O jantar no seminário terá início às 19h.

Quanto ao ponto alto da festa, o cotelão assado, serão 16 toneladas da carne que recebe o título de maior churrasco do mundo. Os costelões chegam hoje ao seminário. Eles serão levados ao fogo de chão às 5h de segunda, dia 1º de maio, Dia do Trabalhador, e até as 11h30 estarão prontos.

A expectativa é de que até 25 mil pessoas participem da festa. O costelão com 18 quilos é vendido a R$ 400 e de três quilos custa R$ 70. Neste ano também haverá buffet a R$ 35 por pessoa. Pasteis e frango também serão vendidos no local.

Deixe uma resposta