Parceria com Sanepar garante ligação da rede de esgoto em 26 escolas

Ao abrir a Escola de Governo desta manhã, um convênio assinado com a Sanepar garantiu o fim de um problema que vem causando muitos transtornos à comunidade escolar em Cascavel: o mau cheiro e o perigo com as antigas fossas. Pela parceria, a Sanepar se comprometeu em agilizar a ligação de esgoto na parte  interna de 26 unidades escolares municipais e solucionar esta demanda que levaria pelo menos mais seis meses de trabalho, mas que segundo a gerente regional da Sanepar, Rita Camana – que representou no ato o gerente geral da Companhia, Renato Bueno – estará solucionado até o dia 15 de junho, é que o prazo estimado para conclusão dos serviços.”É um problema ambiental que está incomodando muito e ameaçando a saúde e a segurança das nossas crianças, que com um telefonema e uma visita ao Renato Bueno conseguimos resolver num parceria tão importante com a Sanepar”, disse o prefeito, “pois estamos sofrendo e sagrando com isso, sendo até alvo de CPI, porque ficou esta dúvida quando ao serviço que foi executado na gestão passada”.

De acordo com a secretária Márcia Baldini, a parceria além de economizar tempo, resultará em redução de valores, uma vez que cada serviço varia de R$ 8 a R$ 30 mil, dependendo da escola. “É uma economia significativa para o Município”, disse a secretária, que detalhou na Escola de Governo várias ações, dentre elas a ligação da rede sanitária das unidades ao coletor público de esgoto e a construção de caixas de gordura compatíveis com a demanda de unidades escolares com obras concluídas em três escolas, em andamento em outras seis e em licitação em mais duas, além de manutenção em vários Cmeis.

Texto e foto: Secom

Deixe uma resposta