Comitê Territorial dos Pequenos Negócios é lançado no oeste do Paraná

Aliada a estratégia estadual do Sebrae/PR para a melhoria do ambiente de desenvolvimento favorável às micro e pequenas empresas, o oeste do Paraná lançou oficialmente o Comitê Territorial dos Pequenos Negócios para atuação em prol de micro e pequenas empresas da região. O evento aconteceu no dia 27 de abril, em Cascavel, e reuniu representantes de instituições públicas e privadas de diversos municípios. O foco do encontro foi apresentar o funcionamento, objetivos e atuação do grupo.

Orestes Hotz, gerente do Sebrae/PR no oeste do Estado, explica que o Comitê representa um passo adiante no trabalho que o Programa Oeste em Desenvolvimento (POD) faz na região. “Entendemos que as micro e pequenas empresas permeiam todas as cadeias produtivas e grupos de trabalho do Programa. Este Comitê vai olhar especificamente para o ambiente de negócios da região a fim de propor ações embasadas na Lei Geral da Micro e Pequena Empresa”, destaca.

O Comitê, complementa Hotz, atuará no mesmo nível das Câmaras Técnicas (CTs) do POD e estará alinhado a uma instância estadual, o Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Fopeme) do Estado do Paraná. “Enquanto as CTs atuam por meio de cadeias produtivas e eixos estruturantes, o Comitê Territorial trabalha em conjunto com os Comitês Gestores Municipais (CGM) e Conselhos de Desenvolvimento Municipal (CDM)”, detalha.

Para o presidente do Programa Oeste em Desenvolvimento, Danilo Vendruscolo, o foco inicial do POD foi propor soluções para os gargalos de cadeias propulsivas específicas, como da proteína animal (leite, aves, suínos e peixes). “Acreditamos que, para que o território cresça como um todo, é necessário o fortalecimento de outros segmentos e dentro do Comitê Territorial dos Pequenos Negócios no Oeste abrangeremos diversas outras áreas produtivas da região”, enfatiza.

São objetivos do Comitê: criação e implementação de propostas de ações territoriais para a melhoria dos temas de ambiente de negócios; contribuir com os CGM e CMD para a melhoria do ambiente de negócios; compartilhar boas práticas na implementação da Lei Geral; gerar sinergia entre as instituições do território; articular e negociar parcerias territoriais, estaduais e nacionais para a execução das ações estruturantes; e sugerir e articular ações junto ao Fopeme.

Estado

Segundo o diretor de Operações do Sebrae/PR, Julio Agostini, a entidade atende 22 territórios no Estado e deve lançar os Comitês territoriais a fim de desenvolver o capital social, produtivo e associativo local por meio das micro e pequenas empresas. “A região oeste é ímpar em atuação conjunta entre instituições. Aqui, o Comitê Territorial será um incentivo a mais para a transformação do ambiente de negócios de maneira protagonista”, assinala.

A cooperação, para Agostini, é elemento-chave para superar desafios e problemas. “A ideia é que cada território formalize um Comitê Territorial dos Pequenos Negócios ainda neste semestre para que possam trocar experiências já no final de agosto, durante encontro estadual do Fopeme. Os Comitês representam a força das micro e pequenas empresas que representam 99% dos negócios formais, 52% da força de trabalho, 41% da massa salarial e 27% do PIB (Produto Interno Bruto) no Brasil. No Paraná, o PIB das micro e pequenas é ainda maior, representando 32%”, argumenta.

Evolução

De acordo com a consultora do Sebrae/PR, Elisangela Rosa, que coordena o Comitê Territorial dos Pequenos Negócios do Oeste, a formação do grupo teve início no ano passado. “De março a outubro de 2016, lideranças regionais participaram de 80 horas de workshops voltados ao desenvolvimento regional por meio do incentivo às micro e pequenas empresas no Programa Conexão Liderança. Com objetivos intrínsecos ao POD, começou-se a pensar na formação de um grupo que atendesse especificamente aos interesses dos pequenos negócios”, recorda.

Elisângela Rosa destaca que a próxima agenda do grupo será em Cascavel nos dias 11 e 12 de maio, em workshop sobre o papel do líder, com o palestrante Paulo Ferreira Vieira. Consultor e professor, Vieira é graduado em psicologia, é especialista em Dinâmica Interpessoal e Liderança. Tem mais de 30 anos de experiência nas áreas de Gestão de Pessoas, Cultura, Gestão de Mudança, Gestão de Cultura, Valores, Liderança do Futuro, Liderança Transformadora, Desenvolvimento de Equipes e do Estilo Coaching de Administrar..

Deixe uma resposta