Comando Regional: PM registra 45 confrontos em 2017

Reportagem: Tissiane Merlak

Foto: Fábio Donegá

 As duas mortes na manhã de ontem na Rua Afonso Pena, entre a Avenida Brasil e a Rua Erechim, no Centro de Cascavel, endossaram o número de confrontos entre suspeitos e a Polícia Militar em 2017.

De acordo com dados repassados à reportagem do Hoje, na área de abrangência do 5º CRPM (Comando Regional da Polícia Militar), que inclui municípios do Oeste e Sudoeste do Estado, somente em 2017 foram 17 mortes em confronto, sendo dois policiais. Dessas, quatro somente em Cascavel.

Segundo o tenente-coronel Washington Lee, comandante do 5º CRPM, em discurso durante a implantação da UPS (Unidade Paraná Seguro) Sul, toda semana, os policiais enfrentam pelo menos dois confrontos armados. “Somente na última semana [nos primeiros dez dias de abril] foram quatro confrontos com marginais na nossa área de abrangência”. Ao todo foram contabilizados pelo Comando 45 confrontos neste ano, quase três por semana.

As mortes desta quinta-feira aconteceram após dois homens armados, um deles identificado como Edson Nogueira da Cruz, de 33 anos, e o outro ainda sem identificação, chegaram numa loja de eletrodomésticos, na Avenida Brasil e disseram aos vendedores que iriam pagar uma conta.

Eles foram até o segundo piso, e já no caixa, anunciaram o assalto. Na saída, quando iriam pegar uma motocicleta Yamaha YBR, eles foram surpreendidos por um policial militar à paisana, que estava de folga. Tiros foram disparados para o alto no momento da fuga.

Desesperado, um dos criminosos rendeu uma mulher que passava de carro na rua, roubou seu veículo deixando-a no local e foi atrás do comparsa. Já na Rua Afonso Pena, eles foram interceptados por um segundo militar, que estava em um posto de combustíveis ao lado da loja. Ele tentou parar os criminosos que atiraram. O policial revidou e acabou baleando os dois homens, que morreram na hora.

 

Deixe uma resposta