Alerta: Sesa confirma mais um caso de Influenza na 10ª Regional

Reportagem: Marina Kessler

Foto: Lorena Manarin

Informe técnico da Sesa (Secretaria Estadual da Saúde) sobre a circulação do vírus Influenza no Paraná, divulgado nesta semana, confirmou mais um caso de gripe A H3 sazonal, no município de Céu Azul, que pertence à 10ª Regional de Saúde de Cascavel.

Esta é a segunda confirmação da doença na regional. A primeira foi em Cascavel, que soma também um caso de H1N1. Ao todo, a regional de saúde possui três casos de Influenza, sem nenhum óbito até o momento. Lembrando que um homem, de 50 anos, morreu no mês retrasado com H3N2 em Cascavel, mas o caso dele foi considerado importado já que estava apenas de passagem pela cidade quando foi hospitalizado.

Uma das formas mais eficazes de evitar a doença é a imunização. A campanha de vacinação contra a gripe foi prorrogada em todo o Estado até o dia 9 de junho. Na sexta-feira (2), o ministro da Saúde, Ricardo Barros, em visita a Maringá, informou que a vacina está, a partir de segunda-feira (5), disponível a toda a população até que os estoques sejam encerrados. O anúncio, no entanto, gerou polêmica, já que a Secretaria de Saúde do Paraná emitiu nota dizendo que, ao contrário do que disse o ministro, vai manter a vacinação apenas ao público-alvo da campanha, que são as crianças de seis meses a quatro anos, gestantes, mulheres que tenham realizado parto há menos de 45 dias, idosos, doentes crônicos (mediante prescrição médica), profissionais de saúde e professores públicos e privados em atividade.

Até o fim desta semana, o Paraná já vacinou 84,3% do público prioritário, o equivalente a 2,52 milhões de doses aplicadas. Crianças e gestantes ainda são os que menos receberam a imunização, com 88,1% e 67,7% do público vacinado, respectivamente. A meta é chegar a 90% do público imunizado.

Deixe uma resposta