Agentes Penitenciários fazem paralisação no Paraná

Agentes Penitenciários que trabalham na PIC (Penitenciária Industrial de Cascavel) e na PEC (Penitenciária Estadual de Cascavel) aderiram a uma paralisação nacional e, até segunda-feira (22), somente os chamados “serviços essenciais” serão realizados.

Em frente à PIC, os agentes cruzaram os braços em apoio à pauta nacional reivindicada pela Febrasp (Federação Nacional dos Agentes Penitenciários). De acordo com o representante do Sindarspen (Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná), Jairo Ferreira Filho, a categoria é uma das que fazem um dos trabalhos mais perigosos e insalubres da sociedade. “Não é possível fechar os olhos para essa realidade. A paralisação que começou neste sábado e se encerra na segunda-feira é uma forma de chamar a atenção da sociedade para as mudanças que estão em pauta no Governo Federal”.

Por conta da greve, as visitas estão suspensas. “O que é considerado essencial, como entrega de alimentação e medicamentos, aos presos que necessitam, guarda de presos e emergenciais serão atendidas, mas outras ações estão suspensas temporariamente”.

 

 

Foto: Vandré Dubiela

Deixe uma resposta